Menu

Leitura

Blogs Amigos

Novas



A PAIXÃO
16Mar2009 14:50:00
Publicado por: Edi

A paixão é um truque do mal

Que faz contemplar tulipas silvestres

Onde há só espinhos e cercas,

Que faz de endereços tão claros

Longos mapas indecifráveis.

Que fantasia mentiras de juras eternas,

Que converte o abuso em caridade,

A dor em redenção,

Em fio de mel a gota de sangue.

 

A paixão é um conteúdo do nada,

Porque em si coisa alguma de real concentra

E quem a ela se vende

(e por quanto!)

Só encontra desencontros,

Fúria de tempestades no paraíso,

Névoa volátil como alicerce

E começo cheirando a fim.


Edi



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (1848)

ENFIM
16Mar2009 14:40:00
Publicado por: Edi

Na noite densa de mim

Às sombras que formam teu vulto

Faço alarde, prevejo o fim.

São mortos os dias de luto.

 


Eis que à luz os olhos abro

E um novo céu no claro dia

Entorna em ti, amor macabro,

De esquecimento, hemorragia.

 


Enfim, penso e não estás,

Acordo e não chegarás,

Caminham as horas sem ti.

 


Enfim, canto em soprano

Estribilhos ao meu engano,

Sustenidos que nunca ouvi.

 

Edi



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (1791)

Vê?
16Mar2009 14:30:00
Publicado por: Edi

Vê os males violentos

Que emperram nossos olhos,

Que não põem fim à noite,

Que sobrecarregam de fardos

Os ombros do dia seguinte?

 

 

Vê que apanhamos da gente,

Vê a inutilidade das coisas

E defronte o dedo que indica?

 

 

E o nosso viver em curso,

Vigiado por sentinelas, vê?

 

 

Respire a calma do ontem passado

E procure dormir

Posto que a vida

Não passa de um ato

E não há público pagante

Com pedidos de bis.

Vê?

 

Edi



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (1603)


1 a 3 de 3 Primeiro | Anterior | Seguinte | Último |